Acontece
17/10/2018 até 18/10/2018
2º Encontro Temático das Disciplinas Virtuais
2º Encontro Temático das Disciplinas Virtuais
A palestra abordará as dimensões históricas do cuidado e o zelo com vida, como Marcelo Barros, define “cuidar é viver”, essa discussão remontará ao longo da história desde a “Índia, do século V antes de nossa era, com Sidharta Guatama, o Buda, afirmava: "Todos/as somos chamados a olhar a outra pessoa como uma mãe carinhosa olha o filho que está em seu útero"; no século XX, filósofos como Heidegger, compreenderam: o que mais define o ser humano não é a capacidade de pensar ("O ser humano é um animal racional). Nem é a possibilidade de criar. O ser humano se define, principalmente, pela vocação de cuidar; nos anos 60, o psicólogo Carl Rogers afirmava o que nos torna pessoas é a relação do cuidado, recebido e compartilhado...

O outro do qual devemos cuidar é todo ser humano. No entanto, é também a Terra, a água e todos os seres vivos, com os quais formamos o que Leonardo Boff denomina "a comunidade da vida". É urgente lembrar isso para compreender melhor as raízes da crise social e política em que estamos mergulhados. A sociedade contemporânea se desenvolveu muito no plano técnico e científico. Aprimorou a comunicação virtual e isso é maravilhoso. No entanto, nem o conforto proporcionado pela riqueza, nem as facilidades obtidas pelo computador e celular preenchem o imenso vazio que as pessoas sentem. O sistema dominante exilou a ética das discussões sobre o viver. Ao desprezar a ética como base da organização social, de certa forma, a sociedade humana deserta da própria possibilidade de vida tanto em comum, como mesmo no plano da sobrevivência pessoal e ameaça a continuidade da vida no planeta. As sociedades indígenas da América Latina propõem como critério de organização social o Bem-viver. Esse paradigma parte do cuidado na relação interpessoal, na organização social e na busca da comunhão com o universo. É um caminho de espiritualidade ecumênica no qual contemplamos e testemunhamos o Espírito que, como diz o livro bíblico da Sabedoria, ‘enche todo o universo e está presente em toda relação humana’” (Sb 1, 7). Fonte: http://marcelobarros.com/blog/viver-e-cuidar/.

O palestrante

Marcelo Barros é um monge beneditino, escritor, teólogo brasileiro, professor convidado do CESEP (Centro Ecumênico de Serviços à Evangelização e Pastoral) em São Paulo e de diversos organismos pastorais e ecumênicos em toda a América Latina. Colabora com revistas brasileiras e de outros países, na América Latina e na Europa. Semanalmente, publica um artigo sobre “espiritualidade ecumênica e desafios da vida”, editado pelo jornal “O Popular”, por um jornal de Caracas (Correo del Orinoco) e um de San Juan de Puerto Rico (Claridad). Esse artigo é reproduzido em alguns outros jornais brasileiros e em vários sites da internet. O que mais o ocupa e toma a parte mais importante de sua vida é a permanente busca por uma Espiritualidade que une a intimidade com o Mistério (Deus), a solidariedade aos oprimidos, o amor afetuoso a toda pessoa que se aproxima dele e o cuidado com a mãe Terra e toda a natureza. O que ele mais gosta de fazer é celebrar quando está com um grupo inserido na realidade e tem liberdade de celebrar Deus presente na vida do povo. Fonte: http://marcelobarros.com/page/biografia.

Ir para o menu
Encontre tudo
Redes sociais da UCB
Universidade Católica de Brasília
Câmpus I - QS 07 – Lote 01 – EPCT – Taguatinga – Brasília – DF CEP: 71966-700 - (61) 3356-9000
Câmpus Avançado Asa Norte - SGAN 916 Módulo B Avenida W5 - CEP: 70790-160 - Brasília/DF - Telefone: (61) 3448-7116
Câmpus Avançado Asa Sul - SHIGS 702 Conjunto 2 Bloco A, Brasília, Distrito Federal 70330-710, Brasil
Quem faz? Moringa Digital