Notícias
08/11/2017 - 17:01
Saúde da Família é tema de II Congresso da Escola de Saúde e Medicina da UCB
Congresso traz especialistas em Assistência Primária de Saúde para debater com estudantes, docentes e comunidade
  • Saúde da Família é tema de II Congresso da Escola de Saúde e Medicina da UCB
  • Saúde da Família é tema de II Congresso da Escola de Saúde e Medicina da UCB
  • Saúde da Família é tema de II Congresso da Escola de Saúde e Medicina da UCB
  • Saúde da Família é tema de II Congresso da Escola de Saúde e Medicina da UCB
Esquerda Foto Faiara Assis Direita
Com dois mil inscritos e mais de 138 trabalhos credenciados de equipes multiprofissionais de saúde, teve início nesta terça-feira, 7, e segue até o dia 8 de novembro, no auditório do Bloco Central da Universidade Católica de Brasília (UCB), o II Congresso da Escola de Saúde e Medicina. O tema central dessa edição é “Saúde da Família”. Ocorrerão palestras, minicursos e oficinas, com o envolvimento e integração dos dez cursos de graduação e quatro de pós-graduação da Escola de Saúde e Medicina da UCB, contribuindo, assim, para o fortalecimento da atenção básica no Sistema Único de Saúde (SUS).

Segundo a diretora da Escola de Saúde e Medicina da UCB, professora Aline Cabral Braga de Medeiros, o sucesso desta edição do congresso se deu pelo empenho dos professores, estudantes, parceiros e profissionais da área de saúde envolvidos. “Pela dimensão que este evento se tornou começamos a elaborar esse projeto já no ano passado. Abrimos espaço para que estudantes e professores apresentassem mais trabalhos e estudos na área, incentivando, assim, a produção científica e acadêmica. É muito gratificante que tenhamos tantos inscritos, superando a última edição do congresso, em 2016”, destacou.

Para a professora Adriana Hanai, uma das organizadoras do evento, o tema “Saúde da Família” não envolve apenas a saúde em si, mas a estrutura de toda uma comunidade. “O tema desse ano foi pensado para trazer a discussão dessa temática que é tão importante: a família, a comunidade, e tentar inserir essas famílias em um contexto não só de saúde, mas em um ambiente mais completo, de forma global”.

Durante os dois dias de congresso estarão presentes palestrantes do sistema público de saúde, como Rubens Bedrikow, da Universidade Estadual de Campinas/SP (UNICAMP), da academia e da pesquisa, para discutir temas relacionados à saúde da família em várias vertentes. Haverá ainda uma feira de saúde, onde os cursos de graduação escolheram atividades para atender a comunidade acadêmica e a comunidade externa.
Serão ações voltadas para todos, como foco em alimentação, atividade física e qualidade de vida.

Palestras

O primeiro painel foi o “Projeto Educação pelo Trabalho: a comunidade acadêmica na estratégia saúde da família – PET – GRADUASUS”, ministrado pela professora do curso de Enfermagem da UCB, Leila Bernarda Donato Gottems. “Esse é um projeto financiado pelo Ministério da Saúde e é absolutamente coerente com a visão de futuro que a UCB tem, por isso estamos em atividade desde 2016”, frisou Leila Bernarda.

O diretor-executivo da Fundação Hemocentro de Brasília, Jorge Vaz, falou sobre a importância da doação de sangue, transplante de medula óssea e da hemoterapia (tratamento que envolve a administração de sangue fresco, de uma fração de sangue ou de uma preparação de sangue). Vaz destacou ainda em sua fala o processamento, fracionamento, ciclo, tipagem e transfusão sanguínea, análise laboratorial. “Nós somos a única entidade credenciada a trabalhar com a rede pública de saúde do Distrito Federal. Para se ter noção, 72% de todo o sangue doado coletado e testado segue para a rede pública”, disse Jorge Vaz.

O secretário adjunto de Assistência à Saúde do Distrito Federal, Daniel Seabra Resende, falou sobre a estratégia de saúde da capital federal e a importância da Assistência Primária de Saúde. “Temos uma população de quase três milhões de habitantes e acumulamos uma responsabilidade de estado e município. Nossa principal forma de acesso à saúde é por meio dos prontos-socorros. Em uma pesquisa realizada, 72% dos pacientes na emergência, após a avaliação, foram redimensionados para que tivessem suas queixas atendidas na Assistência Primária, com melhores resultados”, destacou Resende.

Campanha

O II Congresso da Escola de Saúde e Medicina está realizando uma campanha em parceria com a Fundação Hemocentro de Brasília para conscientizar os congressistas e a comunidade sobre a importância da doação de sangue e de medula óssea. Durante o congresso, os estudantes dos cursos de Medicina, Biomedicina e da Liga de Hematologia estarão sanando dúvidas dos interessados pela doação.

O Hemocentro disponibilizará o transporte para levar os doadores até o Hemocentro, onde o procedimento de doação de sangue e cadastramento como doador de medula será realizado. Para se cadastrar como doador de medula óssea, é necessário colher uma pequena amostra de sangue. Após a coleta, o perfil de histocompatibilidade do doador é feito e cadastrado no Registro Nacional de Doadores Voluntários de Medula Óssea (REDOME). Quando houver um paciente com possível compatibilidade, o doador será consultado para decidir quanto à doação. Por esse motivo, é necessário manter os dados sempre atualizados. “Todo o processo de doação de sangue e de medula óssea deve ser guiado por duas palavras, qualidade e compromisso. É dessa forma que o Hemocentro e a Universidade Católica de Brasília trabalham”, disse o diretor-executivo da Fundação Hemocentro de Brasília, Jorge Vaz.

Para as professoras Cláudia Garcia e Cíntia do Couto Mascarenhas, organizadoras da ação na UCB, a doação é um ato de cidadania e solidariedade. “É muito importante a participação de alunos, professores e colaboradores. Acreditamos que a campanha possibilitará a conscientização de novos doadores e com isso conseguiremos ajudar mais pessoas ”, explica a professora Cláudia.

O transporte do Hemocentro estará no estacionamento dos professores, em frente ao Bloco M.



Rodrigo Eneas

Ir para o menu
Encontre tudo
Redes sociais da UCB
Universidade Católica de Brasília
Campus I - QS 07 – Lote 01 – EPCT – Águas Claras – Brasília – DF CEP: 71966-700 - (61) 3356-9000
Campus Avançado Asa Norte - SGAN 916 Módulo B Avenida W5 - CEP: 70790-160 - Brasília/DF - Telefone: (61) 3448-7116
Campus Avançado Asa Sul - SHIGS 702 Conjunto 2 Bloco A, Brasília, Distrito Federal 70330-710, Brasil
Quem faz? Moringa Digital